Sport bate Salgueiro e é finalista

0
68

321623,475,80,0,0,475,365,0,0,0,0

Melhor campanha da competição e jogando em casa, o Sport aproveitou o recorde de público no Pernambucano 2019 (22.117 torcedores) e impôs a sua força e derrotou o Salgueiro por 3×1, neste domingo (07), na Ilha do Retiro, pela semifinal do Campeonato Pernambucano 2019, carimbando o passaporte para a decisão diante do Náutico.

Autor de dois gols rubro-negros, o atacante Hernane Brocador se isolou ainda mais na artilharia da competição, com nove gols marcados em 11 jogos disputados. As datas reservadas para a decisão do Estadual são 14/04 (domingo) e 21/04 (domingo). Pelo Sport ter o melhor desempenho na Primeira Fase do Estadual, a segunda e decisiva partida será na Ilha do Retiro, com a primeira acontecendo nos Aflitos.

Dentro de campo, o clima de decisão se transformou em tensão, num jogo muito pegado entre as duas equipes, sobrando jogadas ríspidas e catimba, principalmente por parte dos visitantes, que com menos de dez minutos já faziam a famosa cera na hora de repor a bola em jogo. Esbarrando no forte esquema defensivo do adversário, o Leão tinha dificuldade para criar. Mas, aos 19, uma enfiada de Guilherme abriu o caminho. Na linha de fundo, Luan cruzou rasteiro para Hernane Brocador apenas escorar o lance e abrir o placar, para explodir a Ilha do Retiro. A resposta do Carcará não demorou, mas nasceu de uma falha grotesca de Mailson na saída de bola com os pés. De frente com o arqueiro leonino, Renato bateu mal, por cima, e desperdiçou grande oportunidade de deixar tudo igual.

Na etapa final, o Salgueiro escolheu se arriscar desde o minuto inicial. E logo com dois minutos conseguiu criar uma boa chance, mas Renato bateu mal novamente e Mailson fez a defesa de forma segura. Porém, enquanto os visitantes buscavam o empate, o Sport tratou de dar uma mordida mortífera. Aos sete minutos, Adryelson aproveitou cruzamento rasteiro, dominou e bateu para a grande defesa de Gideão, mas no rebote Hernane Brocador mandou para o fundo do gol, ampliando o placar e se isolando ainda mais na artilharia do Estadual.

Sem muita alternativa, o treinador Sérgio China foi para o tudo ou nada, tirando o lateral Guilherme Lucena e acionando o atacante Thomas Anderson. E a alteração fez efeito aos 26 minutos, quando Thomas Anderson cruzou para Igor João bater bonito, sem chance para Mailson, e diminuir o placar. O gol animou os sertanejos, que esbarram na falta de técnica e criatividade, abusando de chuveirinhos sem efeito na área. No final, o volante Ronaldo marcou de falta, decretando a festa na Ilha do Retiro e classificação para a decisão do Estadual.

Fonte: Folha PE

DEIXE UMA RESPOSTA

Deixe seu comentário!
Digite seu nome aqui