Para conter despesas, Ministério Público Federal (MPF) de ST pode ser transferido para Salgueiro

0
67

MPF

Antes de completar três anos da inauguração do prédio próprio do Ministério Público Federal (MPF) em Serra Talhada, a instituição corre risco de ser transferida para a cidade de Salgueiro, no Sertão Central.

A reportagem do Farol de Notícias apurou que está em curso um plano, mesmo após os altos investimentos na construção da sede própria, para beneficiar Salgueiro.

O FAROL ouviu operadores do Direito, que estão indignados com a possibilidade de Serra Talhada perder o protagonismo, e pode haver uma reação à partir da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) seccional Serra Talhada.

Por enquanto, há uma mobilização de alguns integrantes da Procuradoria Geral da República (PGR), um estudo inicial, que a unidade de Serra Talhada, que abrange 25 municípios da região, seja levado para cerca de 100 km de distância para criação de um polo que supostamente diminuirá os gastos do órgão.

A atual sede do MPF, localizada na Rua Enock de Carvalho, 160, do bairro AABB, foi entregue aos servidores e a população serra-talhadense no dia 14 de julho de 2016. A reivindicação é que em nenhum momento os interesses públicos estão sendo levados em conta, a população da cidade e região que serão afetada com a mudança.

RAIO DE AÇÃO

O Ministério Público Federa (MPF) tem 10 anos de serviços prestados aos municípios de Afogados da Ingazeira, Betânia, Brejinho, Calumbi, Carnaíba, Custódia, Flores, Floresta, Iguaraci, Ingazeira, Itacuruba, Itapetim, Jatobá, Nova Petrolândia, Quixabá, Santa Cruz da Baixa Verde, Santa Terezinha, São José do Belmonte, São José do Egito, Serra Talhada, Solidão, Tabira, Tacaratu, Tuparetama e Triunfo.

Fonte: Farol de Notícias

DEIXE UMA RESPOSTA

Deixe seu comentário!
Digite seu nome aqui